Olá, Visitante Entre Cadastre-se EAD

Portal do Agronegócio


Yara passa a ter estrutura organizacional regional

A Yara, líder mundial em nutrição de plantas, anuncia nova estrutura global organizacional, com as operações direcionadas para três unidades regionais - Ásia e África, Américas e Europa -, uma unidade de Plantas Globais/Excelência Operacional, e uma nova função global de Farming Solutions.

O presidente da Yara Brasil, Lair Hanzen, assume a liderança da região Américas, que abrange as operações do Brasil, América Latina e América do Norte, e a presidência da Yara Brasil fica sob a condução de Olaf Hektoen. Norueguês, há mais de 20 anos na Yara e com ampla experiência internacional, Hektoen liderou operações da companhia em diferentes países e está no Brasil há um ano e meio, conduzindo a área de Estratégia e projetos de transformação da empresa. Hanzen permanecerá como Presidente do Conselho de Administração da Yara Brasil.

Em cerca de oito anos à frente da Yara Brasil, Hanzen conduziu a empresa à liderança do setor de fertilizantes brasileiro, sustentado por uma estratégia de aquisições, investimento em grandes projetos para produção nacional de insumos e crescimento orgânico na distribuição. "Durante a minha trajetória como presidente da Yara Brasil, atuamos de ponta a ponta, apoiando o desenvolvimento da agricultura brasileira. Investimos fortemente no fortalecimento, na modernização da cadeia e na oferta do mais completo portfólio aos agricultores. E seguiremos nessa direção para apoiar a produção sustentável de alimentos no país", destaca Hanzen.

Entre os principais investimentos da empresa nos últimos anos, destacam-se o Complexo Mineroindustrial de Serra do Salitre (MG) e a ampliação e modernização do Complexo Industrial de Rio Grande (RS), que desempenharão fundamental papel na redução da importação de fertilizantes no Brasil. Em Serra do Salitre, a empresa está investindo R﹩ 5 bilhões para um projeto integrado de mineração e beneficiamento de fertilizantes fosfatados, além de uma planta química para fertilizantes granulados, com conclusão prevista para 2021. Já Rio Grande, com investimentos de R﹩ 2 bilhões e previsão de entrega para o fim deste ano, será o maior e mais moderno parque de produção e de mistura na América Latina.

Olaf Hektoen reforça a confiança da Yara depositada no Brasil: "Assumo a operação brasileira da Yara com a convicção de que vamos aliar o crescimento dos nossos negócios à cultura colaborativa, contribuindo de forma positiva para um dos principais setores desse país nesse momento que estamos vivendo".

Data de Publicação: 05/06/2020 às 15:00hs
Fonte: Yara
◄ Leia outras notícias
Portal do Agronegócio Desenvolvido por: