Olá, Visitante Entre Cadastre-se EAD

Portal do Agronegócio


Tecnologia John Deere faz Brasil bater recorde mundial de hectares plantados em 24h

Foi às 22h08 de 29 de novembro de 2018, na Fazenda SLC Palmares, em Luís Eduardo Magalhães (BA), que um recorde mundial foi quebrado: 543 hectares plantados em 24 horas – mais de meio milhão de campos de futebol, por exemplo, já que cada um equivale a um hectare, aproximadamente. Acompanhado e registrado pela Fundação MT – instituição de pesquisa agronômica de Mato Grosso -–, o feito superou números anteriores em cerca de 40 hectares, antes registrados na Hungria.

Diferentemente da maioria dos recordes batidos ano a ano, quando os desafiantes fazem determinada atividade somente com a finalidade de conquistar o primeiro lugar, o de plantio foi quase sem querer. Aconteceu quando a John Deere testou o conjunto de lançamentos composto pela plantadeira DB ExactEmerge, desenvolvida para revolucionar a forma de plantio, e o trator 9RX, ambos conectados ao Centro de Operações da companhia, para mensurar a qualidade do plantio e a quantidade de área, e decidiu pesquisar qual era o recorde de plantio em 24 horas. Encontraram o número de 502 hectares e toparam tentar ultrapassá-lo junto à SLC Agrícola e à Agrosul, concessionário da marca no local.

Com toda a estrutura de operação do cliente, chegou a vez de as soluções da John Deere entrarem em ação. Desafios não faltaram para as equipes da SLC Agrícola, em campo e cuidando da operação, e da John Deere e Agrosul, que estavam no suporte à distância, acompanhando o desempenho das máquinas pelo Centro de Operações. O primeiro deles era o terreno argiloso da propriedade, que estava irregular e revolvido; o segundo foi a forte chuva que atingiu a região antes e durante o processo, o que deixou o solo barroso e ainda mais desafiador para o recorde.

Nessa hora, a utilização do conjunto da John Deere se mostrou fundamental para a operação. O 9RX, por ter esteiras no lugar de pneus, tem tração 50% maior que outras máquinas, o que reduz a patinagem, além de diminuir em até 37% a compactação do solo. Já a DB ExactEmerge, com seu conjunto de tecnologias que permite feitos que eram inimagináveis até pouco tempo atrás, correspondeu às altas expectativas e plantou com o dobro de precisão, em velocidade de até 16 km/h, garantindo a quantidade e qualidade de área plantada. Já o Centro de Operações se mostrou essencial quando, logo no começo do plantio, alertou as equipes que as sementes não estavam caindo da plantadeira – uma falha humana que logo foi corrigida.

Para auditar o feito, a Fundação MT foi chamada e acompanhou todo o processo. A avaliação dos 543 hectares foi feita em 40 pontos e envolveu a análise da profundidade da semente no solo e distância entre as sementes, que determinaram a precisão da plantadeira. Os resultados confirmaram as expectativas: ganho de produtividade e de precisão na lavoura. Segundo a Fundação MT, foi encontrada a mesma profundidade de semeadura entre as duas semeadoras e, cinco dias após o plantio, o crescimento das plantas foi superior para o sistema ExactEmerge em relação ao convencional. Doze dias após o plantio, a população de plantas estava no padrão desejado pela Fazenda.

Para conhecer mais sobre o recorde de plantio em 24h e seus desafios, confira a série de vídeos publicada no canal da John Deere Brasil no Youtube. O episódio final está já está disponível aqui.

Data de Publicação: 15/05/2019 às 13:40hs
Fonte: Grupo CDI - Comunicação e Marketing
◄ Leia outras notícias
Portal do Agronegócio Desenvolvido por: