Olá, Visitante Entre Cadastre-se EAD

Portal do Agronegócio


Importações de lácteos aumentaram 18,3% no primeiro semestre de 2019

O principal produto adquirido no período foi o leite em pó, que teve queda de 22,3% no volume em relação ao mês anterior.

O menor volume de lácteos internacionalizado ocorreu em um momento de aumento nos preços do leite em pó, somado a uma menor oferta de matéria-prima nos países vizinhos nesta temporada.

Os principais fornecedores, em volume, em junho, seguem sendo o Uruguai e a Argentina, na sequência de importância, que juntos representaram 85,8% do total.

Apesar da queda em junho, no acumulado do primeiro semestre de 2019 o volume importado aumentou 18,3% na comparação anual.

Em julho, a média diária foi de US$1,54 milhões em gastos com as importações de lácteos, recuo de 26,0% na comparação mensal e queda de 28,8% em relação a igual período do ano passado.

Com relação as es exportações brasileiras, estas também diminuíram em junho na comparação mensal. O volume recuou 23,8% e o faturamento 20,3% frente ao mês anterior.

Nos primeiros seis meses do ano, porém, o volume exportado cresceu 24,7% e o faturamento aumentou 7,2%.

A balança comercial brasileira de lácteos registrou déficit de US$30,99 milhões em junho deste ano. Esse número é 2,1% menor que em igual período de 2018.

Data de Publicação: 05/08/2019 às 11:50hs
Fonte: Scot Consultoria
◄ Leia outras notícias
Portal do Agronegócio Desenvolvido por: