Olá, Visitante Entre Cadastre-se EAD

Portal do Agronegócio


Estudo sobre diversidade genética da seringueira vence I Prêmio Apabor Paulo Gonçalves

A Associação Paulista de Produtores e Beneficiadores de Borracha (Apabor) divulga o resultado do I Prêmio Apabor Paulo Gonçalves. O estudo Estratégia de Diversidade Genética para o Manejo e Uso de Recursos Genéticos da Borracha: Mais de 1.000 Acessos Silvestres e Cultivados em uma Coleção Nuclear de 100 Genótipos, publicado na plataforma PLOS, descreve a diversidade genética da Hevea spp. complexo que está disponível na América do Sul, incluindo populações amazônicas que nunca foram descritas anteriormente. A partir da 1.117 acessos genotipados com 13 marcadores microssatélites, os criadores de seringueiras podem utilizá-los para melhorar o cultivar e, consequentemente, a qualidade da borracha que será produzida.

“Estamos muito contentes com esta primeira Edição do Prêmio! Dr. Paulo Gonçalvez esteve entre os principais responsáveis pelo sucesso da Heveicultura no Planalto Paulista, hoje responsável por mais de 65% da produção Nacional. É uma contribuição singela, mas muito importante para estimularmos, sobretudo as novas gerações de pesquisadores, que serão parte fundamental do futuro desta cultura em nossa região, ajudando a promover cada vez mais competitividade à nossa Cadeia Produtiva a reposicionando de forma estratégica no mercado mundial”, explica Diogo Esperante, diretor executivo da Apabor.

A autora principal, Lívia Moura de Souza, foi premiada com uma bolsa integral para custeio de viagem (traslado, estadia e alimentação) para apresentar o trabalho no International Rubber Conference 2019, maior congresso de heveicultura do mundo, realizado pelo IRRDB (International Rubber Research and Development Board). O evento acontecerá entre os dias 30 de setembro e 1 de outubro na Cidade de Nay Pyi Taw (capital de Myanmar) e será representada por Carla Cristina Silva.

"Estou honrada e agradecida por receber este prêmio. Fomos e ainda somos inspirados e motivados pelo Dr. Paulo Gonçalves, sua dedicação e imenso conhecimento sobre a cultura da seringueira são admiráveis. Nosso trabalho está longe do fim, mas o que fizemos até agora já fez uma enorme diferença para o desenvolvimento da pesquisa na heveicultura nacional", comemora Lívia.

Sobre o prêmio

Incentivada pela entrega da Medalha B.C. Sekhar ao Dr. Paulo Gonçalves, durante o 11º Ciclo de Palestras sobre a Heveicultura Paulista em 2018, a diretoria da Apabor, criou o prêmio que leva o mesmo nome do homenageado, devido a grande contribuição do mesmo para o desenvolvimento da heveicultura brasileira. Gonçalves, que é o Doutor em genética e melhoramento de plantas e atualmente pesquisador no Instituto Agronômico (IAC) em Campinas, é reconhecido internacionalmente por produzir e contribuir com diversos estudos sobre o setor e melhorar a genética e produção das seringueiras. A Medalha B.C. Sekhar é maior honraria do mundo acadêmico da Borracha Natural concedida todos os anos pelo IRRDB - aos maiores expoentes internacionais do setor.

O objetivo do I Prêmio Apabor Paulo Gonçalves é promover a tradição científica e humana criada por Dr. Paulo Gonçalves e motivar jovens pesquisadores a se dedicarem à cultura atraindo e retendo talentos para o desenvolvimento da tecnologia e da pesquisa na heveicultura nacional.

A APABOR é uma associação paulista que assiste produtores e beneficiadores de borracha natural associados em todos os seus interesses comuns, a fim de possibilitar-lhes maior proteção e maior valorização técnica de seus produtos. Além de manter relações com sindicatos e federações bem como demais entidades particulares, nacionais e internacionais, que possam facilitar ou colaborar com a Apabor na consecução dos seus objetivos.

Outro objetivo é colaborar com os órgãos do governo, na elaboração, implantação, proteção e execução de programas relacionados com o desenvolvimento da Cadeia Produtiva da Borracha Natural no país.

Fundada em 1992, tem entre seus membros ativos mais de 20 mil hectares de seringueira plantada e 80% de todo o beneficiamento de Borracha Natural do país. Nestes últimos 27 anos foi responsável por diversos marcos na expansão do Cultivo da Seringueira no país dentre eles a criação e execução de políticas de subvenção federal, apoio a pesquisas e extensão rural, melhoria da qualidade do produto nacional e fundação, junto a associações de outros Estados, de uma Representação Nacional, a ABRABOR.

Data de Publicação: 12/08/2019 às 13:20hs
Fonte: Assessoria de Comunicação APABOR
◄ Leia outras notícias
Portal do Agronegócio Desenvolvido por: