Olá, Visitante Entre Cadastre-se EAD

Portal do Agronegócio


Desempenho do frango (vivo e abatido) na 41ª semana de 2019, segunda de outubro

Embora tenha chegado ao final da semana (dia 11) com uma valorização de cerca de 4% em relação à cotação registrada uma semana antes, o frango abatido comercializado no Grande Atacado da cidade de São Paulo completou a 41ª semana de 2019 com um valor mais de 5% menor que o do mesmo dia de 2018.

O pior é que o preço alcançado na última sexta-feira pode ter sido o melhor do mês. Pois ainda que a reposição desta segunda-feira (14) venha a propiciar algum alento ao setor, a realidade é que amanhã termina a primeira quinzena de outubro. Começa logo, portanto, aquele que é o período mais crítico do mês.

A curva relativa a 2018 é prova disso. Pois um ano atrás, atingido o pico de preços de outubro por volta do dia 11, a cotação então registrada permaneceu estável apenas até o dia 14, recuando a partir daí até, praticamente, o final do mês.

A mesma situação, por sinal, foi experimentada pelo frango vivo que, até então estável desde meados de setembro, voltou a perder preço a partir da 42ª semana do ano, a terceira de outubro.

Em outras palavras, o longo período de estabilidade do frango vivo – que amanhã (15) completa 120 dias ininterruptos com a cotação inalterada em R$3,30/kg (valor que vem desde 18 de junho passado) - também está em risco de queda.

Data de Publicação: 14/10/2019 às 11:50hs
◄ Leia outras notícias
Portal do Agronegócio Desenvolvido por: