Olá, Visitante Entre Cadastre-se EAD

Portal do Agronegócio


Carne de frango: Brasil mantém os mesmos 10 principais importadores de um ano atrás

Ou seja: passou a integrá-lo um país que esteve ausente dos fechamentos anteriores – o México, atual nono colocado, mesmo posto ocupado nos primeiros nove meses de 2018.

A exemplo do México, apenas dois outros importadores permanecem na mesma posição de 2018: o Japão, terceiro colocado; e Hong Kong, sexto colocado. Quer dizer: 70% dos integrantes do grupo ocupam agora posições diferentes.

O importador mais notório entre eles é, sem dúvida, a China, cujas importações aumentaram mais de 20%, gerando uma receita 37% maior – desempenho que a colocaram na primeira posição. Em suma, a China absorveu, até aqui, 13% do total exportado pelo Brasil e gerou 16% da receita cambial do setor.

Note-se, aqui, que apesar do retrocesso (de quase 13%) nas exportações para Hong Kong, território especial da China, o volume destinado ao mercado chinês permanece com evolução positiva, registrando aumento de 10% no volume e de 20% na receitas. Somadas, as exportações para esses dois destinos correspondem a quase 18% do volume total e a 20,59% da receita cambial total.

Comparativamente aos mesmos nove meses de 2018, o número de importadores atendidos pelas exportações brasileiras neste ano aumentou 4,5%, chegando a um total de 161 países. Não custa ressalvar, porém, que nesse número está inclusa a exportação de 90 kg de carne de frango para um país chamado Brasil. É o que consta da relação divulgada pela SECEX/ME.

Data de Publicação: 10/10/2019 às 19:00hs
Fonte: AviSite
◄ Leia outras notícias
Portal do Agronegócio Desenvolvido por: