Olá, Visitante Entre Cadastre-se EAD

Portal do Agronegócio


Açúcar: Commodity valoriza em Nova York e Londres

Na bolsa de Nova York, a commodity subiu 9 pontos no vencimento março/20, com negócios firmados em 14.16 centavos de dólar por libra-peso. Já os lotes para maio/20, de maior liquidez, subiram 8 pontos e fecharam em 14.15 centavos de dólar por libra-peso.

Especialistas ouvidos pela Reuters disseram que "as ofertas reduzidas da Tailândia e da América Central reforçam o ponto de que a demanda por açúcar é muito dependente do centro-sul do Brasil", isso pode significar que de abril/maio em diante o preço fique fortemente correlacionado com a paridade do etanol.

Em Londres, o açúcar branco também fechou positivo. A tela para março/20 fixou em US$ 383,20 a tonelada, alta de 6,40 dólares no comparativo com os preços praticados na última sexta-feira. Já a tela maio/20 subiu 4,40 dólares, ficando em US$ 384,10 a tonelada.

Mercado doméstico

No mercado interno os preços do açúcar cristal também iniciaram a semana em alta de acordo com os índices do Cepea/Esalq, da USP. A saca de 50 quilos foi negociada nesta segunda-feira em R$ 72,67, valorização de 0,69% no comparativo com os preços de sexta-feira.

Etanol diário

Já o etanol hidratado, medido pela Esalq/BM&F Bovespa, iniciou a semana em baixa, cotado a R$ 2.133,00 o metro cúbico, desvalorização de 0,19% no comparativo com a sexta-feira.

Data de Publicação: 14/01/2020 às 11:10hs
Fonte: Agência UDOP de Notícias
◄ Leia outras notícias
Portal do Agronegócio Desenvolvido por: