Olá, Visitante Entre Cadastre-se EAD

Portal do Agronegócio


Dólar opera em queda antes de Fed e de olho em escolha para BNDES e comissão especial

O dólar opera em queda nesta terça-feira (18), com investidores à espera da decisão de política monetária do Federal Reserve (BC dos EUA) na quarta-feira e monitorando a escolha de Gustavo Montezano para a presidência do BNDES e o início das discussões sobre a reforma da Previdência na comissão especial.

Às 9h39, a moeda norte-americana caía 0,93%, vendida a R$ 3,8623.

O BC realiza nesta sessão leilão de até 5,05 mil swaps cambiais tradicionais, correspondentes à venda futura de dólares, para rolagem do vencimento de julho, no total de US$ 10,089 bilhões.

No dia anterior, a moeda norte-americana caiu 0,04%, vendida a R$ 3,8981.

Cenário local e externo

A reforma da Previdência segue no radar de agentes financeiros como o fato mais importante da pauta econômica, mas deve ficar como coadjuvante nesta semana mais curta em razão do feriado de Corpus Christi, destaca a Reuters.

Desde sexta-feira, investidores também aguardam decisão de política monetária do Fed na quarta-feira (18), sob expectativa de que o banco central norte-americano dê alguma sinalização sobre a proximidade de um corte de juros.

O mercado monitora pistas sobre o rumo dos juros nos Estados Unidos porque, com taxas mais altas, o país se tornaria mais atraente para investidores. Isso motivaria uma tendência de alta do dólar em relação a moedas como o real. Mas se, ao contrário, o Fed decidir não aumentar os juros agora, recursos aplicados em outros mercados, como o brasileiro, tendem a não migrar para aos Estados Unidos, o que afastaria essa pressão de alta do dólar em relação a outras moedas.

Também na quarta-feira, o Banco Central anuncia sua decisão de política monetária, com expectativa de que o Copom também ofereça sinalização sobre eventual corte de juros.

O ministro Paulo Guedes escolheu o engenheiro e economista Gustavo Henrique Moreira Montezano para presidir o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico (BNDES) em substituição a Joaquim Levy, que pediu demissão no domingo. Montezano é o atual secretário especial adjunto de Desestatização e Desinvestimento do Ministério da Economia.

Data de Publicação: 18/06/2019 às 10:40hs
Fonte: G1
◄ Leia outras notícias
Portal do Agronegócio Desenvolvido por: